Glossário A-Z

A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V
Ácido málico

Um ácido azedo encontrado nas uvas, bem como em maçãs verdes. As uvas cultivadas em climas mais frios podem conter níveis elevados de ácido málico e é por isso que os vinhos contêm muitas vezes aromas e sabores que lembram maçãs verdes. Ele é convertido em ácido lático mais suave durante a fermentação maloláctica.

Ácido tartárico

Trata-se do ácido principal que existe nas uvas e, consequentemente, no vinho. A sua presença contribui para o sabor e estabiliza a cor. Ao contrário do ácido málico, o ácido tartárico amadurece as uvas.

Açúcar residual

açúcar de uva não fermentado em vinho acabado.

Adstringente

Descreve os vinhos que deixam uma sensação áspera e seca na boca. É geralmente atribuído a níveis elevados de taninos encontrados em alguns vinhos tintos (e alguns brancos) e são frequentemente encontrados nos Cabernet Sauvignon e Cabernet Franc.

Aeração

Este processo de encorajar o vinho a absorver o oxigénio é também chamado de respiração. O objetivo é permitir que o vinho ao ser aberto se consiga desenvolver, libertando os seus aromas principais no ar. O tempo de aeração para os vinhos tintos mais jovens pode ir de dez a trinta minutos. Quando se tratam de vinhos mais velhos (mais de 15 anos), é de realçar que estes são mais delicados e é necessário ter a máxima atenção durante a aeração, pois os frutos do vinho podem ser perdidos. Em todo o caso, os vinhos podem evoluir muito rapidamente no vidro.

Agressivo

Desagradavelmente áspero de gosto ou textura, geralmente devido a um alto nível de tanino e/ou ácido.

Álcool

O álcool etílico é um composto químico formado pela ação do fermento natural ou adicionado sobre o teor de açúcar das uvas durante a fermentação.

Álcool em volume

Conforme exigido por lei, as vinícolas devem indicar o nível de álcool de um vinho no rótulo da garrafa. Essa indicação é expressa como uma percentagem numérica do seu volume total. Para os vinhos de mesa a lei permite uma variação de 1,5 por cento acima ou abaixo da percentagem indicada e o álcool não deve exceder os 14 por cento. Assim, as vinícolas podem legalmente evitar revelar o teor de álcool adquirido de seus vinhos, rotulando-os como "vinho de mesa."

Alcoólico

Usado para descrever um vinho que tem muito álcool quer para o seu corpo ou peso e isso torna-o desequilibrado. Um vinho com muito álcool vai ter um sabor muito pesado ou quente. Trata-se de uma qualidade que é percetível no aroma e no sabor.
Além disso, a fermentação maloláctica estabiliza vinhos, evitando uma indesejável fermentação na garrafa. Muitas vezes chamado de fermentação secundária.

Allier

Uma floresta que se encontra situada em França que produz carvalho que é utilizado nos barris de vinho.

Páginas